Ermida de São Sebastião – Igreja de São Francisco

Foi edificada em finais do século XVI por D. João Coutinho e sua esposa Dª. Francisca de Meneses, com a intenção de louvar os desaparecidos na Batalha de Alcácer Quibir, em especial o monarca D. Sebastião.

​Nos finais dos anos 800 serviu de teatro, celeiro e escola primária. Apenas em 1950 foi reaberta ao culto religioso, depois de ter sido alvo de algumas reestruturações interiores e exteriores. Atualmente o seu oráculo é São Francisco.

Situada em plena zona histórica da vila, em praça arborizada na qual também se encontra a Casa Museu Manuel Ribeiro de Pavia e a Anta – Capela de São Dinis. Com arquitetura religiosa, barroca e vernácula, esta Igreja faz parte do passado quinhentista da vila. Desta época, este espaço apresenta soluções planimétricas e de cobertura constantes na arquitetura do aro eborense de finais do século XVI e início do século XVII, com as quais se conjuga uma volumetria e pormenores decorativos já carateristicamente barrocos.

Ermida de São Sebastião – Igreja de São Francisco

Informações Adicionais